14 março 2021

Durante ação contra aglomeração em cassino clandestino, polícia detém o jogador do Flamengo, Gabigol e o cantor MC Gui

Gabigol foi encontrado escondido debaixo de uma mesa, MC Gui também estava no local. (Foto: Reprodução)

Quem deveria ser e dar exemplo, infelizmente não é e não o faz. O atacante e ídolo do Flamengo, Gabriel Barbosa, o Gabigol, foi detido pela polícia de São Paulo durante uma ação que fechou um cassino clandestino, na Vila Olímpia, Zona Sul da capital. 
A operação contou com agentes da Vigilância Sanitária, Procon-SP e apoio das Polícias Militar e Civil.

No local, além dos jogos de azar, o que é proibido no Brasil, o jogador estava em um espaço com aglomeração, em plena pandemia do coronavírus e num Estado onde pessoas estão morrendo em filas à espera de um leito de UTI.

Outra figurinha conhecida, o MC Gui, também estava no local, ao todo o evento no cassino contava com mais de 200 pessoas de alto poder aquisitivo deram um "jeitinho" de burlar a fase vermelha imposta pelo Governo do Estado, para aglomerar e ajudar na circulação do vírus.

Gabigol, MC Gui e os demais, foram todos encaminhados à Delegacia de Crime contra a Saúde Pública, na região central da capital paulista, para prestar esclarecimentos e liberados após assinarem um termo de responsabilidade e se comprometerem a prestar novos esclarecimentos futuramente. Funcionários e responsável pelo cassino clandestino devem responder por crime contra a saúde pública e jogo de azar. 

O jogador tem que se reapresentar ao elenco principal do Flamengo, nesta segunda-feira (15), após férias dada ao elenco pós conquista do Campeonato Brasileiro 2020 no fim de fevereiro. Até o momento, Gabigol, Flamengo e MC Gui não emitiram nota sobre o acontecido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

+ LIDAS

CONTATOS

Sede: Rua Tarauca, 240 – Conjunto Santarém – Potengi – Natal – RN – Cep. 59124-550

Redação e Comercial: (84) 98177-1709 - contato@rodrigoklyngerr.com.br