Glória Menezes e Tarcísio Meira deixam a Rede Globo após 53 anos

Glória Menezes e Tarcísio Meira estrearam na Globo em 1967, em 'Sangue e Areia' novela de Janete Clair. (Foto: Divulgação/Rede Globo)

Um dos casais mais conhecidos e queridos das telenovelas do Brasil, Glória Menezes e Tarcísio Meira não fazem mais parte do elenco fixo da Rede Globo. A emissora decidiu não renovar o vínculo do casal que durou 53 anos, seguindo a nova política de contratações da emissora, que passa por transformações há cerca de 2 anos e busca otimizar e preparar a emissora para o futuro e se acentuou com a pandemia do coronavírus.

Em comunicado, a Globo afirmou que Tarcísio e Glória tem as portas abertas na emissora para futuras produções em suas múltiplas plataformas, com contrato por obra. “Tarcísio e Glória, com quem tivemos uma longa parceria de sucesso, têm abertas as portas para projetos em nossas múltiplas plataformas. Nos últimos anos, temos tomado uma série de iniciativas para preparar a empresa para os desafios do futuro. Com isso, temos evoluído nos nossos modelos de gestão, de criação, de produção e de desenvolvimento de negócios. Em sintonia com as transformações do mercado, a Globo vem adotando novas dinâmicas com seus talentos”.

Glória Menezes e Tarcísio Meira estrearam na Rede Globo na novela "Sangue e Areia", de 1967 e atuaram juntos e separados em diversos folhetins da emissora como: “Irmãos Coragem” (1970), “Cavalo de Aço” (1973), “Espelho Mágico” (1977), “Guerra dos Sexos” (1983), “Torre de Babel” (1998) e “A Favorita” (2008), entre muitas outras.

O último trabalho do casal foi em 2015, quando Glória Menezes deu vida a ricaça Stelinha na novela das 19h, "Totalmente Demais" (reprisada atualmente no mesmo horário devido a pandemia do coronavírus que paralisou as produções da emissora) e 2018, quando Tarcísio Meira interpretou Lorde Williamson, em "Orgulho e Paixão".

Além de Tarcísio e Glória, foram dispensados de contratos fixos pela Globo em 2020, Renato Aragão (44 anos), e Miguel Falabella, 38 anos, Aguinaldo Silva, Zeca Camargo, Vera Fischer, José de Abreu e vários outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial