Ao ser questionado sobre depósitos de Queiroz à Michelle, Bolsonaro ameaça repórter: "Minha vontade é encher tua boca de porrada"

Bolsonaro ficou incomodado com pergunta de repórter sobre depósitos financeiros de Queiroz à primeira-dama. (Foto: Ailton de Freitas/Agência O Globo) 

O presidente Jair Bolsonaro voltou a aumentar o tom contra jornalistas. Neste domingo (23) em mais um de seus passeios para causar aglomerações e espalhar a transmissão do coronavírus por Brasília, Bolsonaro ameaçou um repórter do jornal O Globo.

"Minha vontade é encher a tua boca de porrada", disse o presidente ao ser questionado sobre os depósitos realizados pelo ex-assessor de filho, o senador Flávio Bolsonaro, e amigo da família Fabrício Queiroz na conta pessoal da sua esposa, a primeira-dama Michelle Bolsonaro.

Ao ser questionado por outros jornalistas que acompanhavam o show do presidente na Catedral de Brasília, se a ameaça era ao repórter de O Globo ou se estendia à todos os profissionais, Bolsonaro ficou em silêncio e decidiu deixar o local.

Bolsonaro seguiu para o Palácio da Alvorada, onde ordenou à militares que proibissem os jornalistas de ocupar o local destinado à imprensa na entrada do local que é a residência oficial da Presidência da República.

A Secretaria de Comunicação da Presidência da República ainda não se pronunciou da ameaça de agressão do presidente da República à um profissional da imprensa, que estava realizando o seu papel de perguntar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial