Televisa notifica SBT e emissora deixará de exibir os seriados Chaves, Chapolin e Chespirito após 36 anos de parceria

Chaves começou a ser exibido no SBT em 20 de agosto de 1984 e nunca saiu da programação da emissora. (Foto: Divulgação/SBT)

Após 36 anos de exaustivas exibições, o SBT deixará de exibir o seriado mexicano Chaves, além do Chapolin e Chespirito, todos criados por Roberto Gómez Bolaños, morto em 2014. A informação foi confirmada pela emissora de Silvio Santos, após uma notificação da emissora mexicana Televisa, detentora dos direitos autorais das obras.

Na notificação, a Televisa informa que a suspensão se dá "a um problema pendente a ser resolvido com o titular dos direitos das histórias". O SBT tem direito de exibir os seriados até o dia de hoje (31), ficando proibida de exibir o material a partir de amanhã (1º).

Exibida originalmente no México entre 1973 a 1979, o seriado Chaves, que conta a história de um menino pobre que mora dentro de um barril numa vila, era o grande trunfo do SBT para garantir audiência ao canal de Silvio Santos, que exibe os seriados desde 1984 sem interrupções.

Atualmente no Brasil, além do SBT, o canal Multishow (Grupo Globo) exibia os episódios de Chaves e Chapolin na TV fechada, também não poderá mais exibir os episódios. A briga entre a Televisa e o Grupo Chespirito, que é gerido pelo filho de Bolaños, não chegaram à um acordo, o que além das emissoras brasileiras, também impacta o canal Las Estrellas do grupo Televisa e o Amazon Prime Vídeo, que também estão proibidas de reproduzir os seriados.

O SBT já notificou suas afiliadas que não exibam mais os seriados, a partir de amanhã, a emissora aguarda uma solução entre Televisa e Grupo Chespirito para retomar com a exibição dos seriados, uma vez que há um acordo verbal entre as emissoras, que são parceiras há anos, para manter os seriados no Grupo Silvio Santos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial