Moradores do Mosquito em Natal jogam corpo em avenida e fecham trânsito na Ponte de Igapó



Após uma equipe de policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, sofrer um ataque à tiros durante patrulhamento realizado na Comunidade do Mosquito, entre as Zonas Oeste e Norte de Natal, às 5h de hoje (13), uma operação com o apoio de outras unidades acabou com um revide entre os policiais e bandidos, que resultou na morte de três meliantes, além da prisão de suspeitos e apreensão de armas e drogas na comunidade, que é comandada por uma facção criminosa.

Com o fim da operação e a saída dos policiais, um corpo foi encontrado no mangue e levado por moradores da comunidade, que o jogaram no meio da Avenida Felizardo Moura, que teve seus dois sentidos interditados com pneus queimados, o que afetou o trânsito na Ponte de Igapó, ninguém conseguia entrar ou sair da Zona Norte.

A polícia foi acionada novamente para o local, além de equipes do Corpo de Bombeiros e uma do ITEP (Instituto Técnico-Científico de Perícia), que recolheu o corpo do rapaz, que segundo moradores da comunidade não participou do confronto e era inocente.

O trânsito no local teve uma pista de cada lado liberado por volta das 8h50, com a ajuda da PM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial