15 de fev. de 2021

Uso emergencial da vacina de Oxford contra a COVID-19 é aprovado pela OMS

Covishield é o segundo imunizante a ter o uso emergencial aprovado pela OMS. (Foto: Reuters)

A Organização Mundial de Saúde (OMS) aprovou nesta segunda-feira (15), o uso emergencial da vacina contra a COVID-19 da Oxford/AstraZeneca. A aprovação veio dias após a recomendação do imunizante para idosos e contra variantes sul-africana, britânica e brasileira do coronavírus por assessores da organização.

O Brasil já tem o uso emergencial da Covishield aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), as primeiras 2 milhões de doses foram importadas do Instituto Serum, na Índia, pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e outras 2 milhões de doses estão sendo fabricadas pela Fiocruz aqui no Brasil.

O país ainda deve receber 1,6 milhão de doses da vacina no primeiro trimestre deste ano através do Covax Facility, aliança da OMS para distribuição igualitária de vacinas pelo mundo, a primeira quantidade corresponde a 15% da quantia prevista no primeiro lote. Ao todo, o Brasil deve receber 10.672.800 doses pela Covax Facility, sendo entre 4,4 e 6 milhões de doses até o segundo trimestre, o que corresponde de 42 a 56%. A previsão é de que o restante do montante das doses sejam entregues no segundo semestre.

Esta é a segunda vacina que tem o seu uso emergencial aprovado pela OMS, a primeira foi a da Pfizer em parceria com BioNTech, ocorrida em dezembro do ano passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

+ LIDAS

CONTATOS

Sede: Rua Tarauca, 240 – Conjunto Santarém – Potengi – Natal – RN – Cep. 59124-550

Redação e Comercial: (84) 98177-1709 - contato@rodrigoklyngerr.com.br