30 de jan. de 2021

Com gol aos 53 minutos do segundo tempo, Palmeiras vence o Santos e ergue a taça da Copa Libertadores

Palmeiras ergueu a taça de campeão da Copa Libertadores, 21 anos depois da primeira conquista. (Foto: CONMEBOL/Libertadores BR)

A América tem um novo campeão, ou melhor, bicampeão. O Palmeiras ergueu a taça da Copa Libertadores da América, após derrotar o Santos, com gol de Breno Lopes, aos 53 minutos do segundo tempo, no Maracanã.

A grande final realizada neste sábado (30) consagrou o bicampeonato do Verdão, 21 anos após a primeira conquista em 1999. Coube à Breno Lopes, um jovem jogador, longe de ser uma estrela do time principal e que há dois meses jogava em um clube da Série B, realizar o almejado sonho do bi do clube.

Com a conquista, o Palmeiras agora disputará o Mundial de Clubes da FIFA, nas semifinais da competição no próximo sábado (7). O adversário dos brasileiros sairá da disputa do Tigres (México) contra o Ulsan (Coreia do Sul), caso vença, o Palmeiras poderá disputar a final do Mundial contra o Bayern de Munique, que jogará a outra semifinal contra o vencedor da partida entre Al Duhail (Qatar) e Al Ahly (Egito).

Palmeiras e Santos fizeram um primeiro tempo com poucas chances de gol, com destaque para Marcos Rocha avançou bem e acionou Raphael Veiga na área, mas o chute foi para fora, isso aos 36 minutos. Já aos 39, Marinho por pouco não abriu o placar para o Peixe.

Na etapa final, os dois clubes se mostraram mais equilibrados, com chances de gol para ambos os lados. Pelo Santos, Diego Pituca mandou uma pancada, Weverton espalmou e Felipe Jonatan, no rebote, chutou forte para fora. Mas foi aos 53 minutos, em cruzamento de Rony, que Breno Lopes, em jogada improvável, fez o gol que consagrou o Palmeiras campeão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

+ LIDAS

CONTATOS

Sede: Rua Tarauca, 240 – Conjunto Santarém – Potengi – Natal – RN – Cep. 59124-550

Redação e Comercial: (84) 98177-1709 - contato@rodrigoklyngerr.com.br