Jovem vai à shopping no Rio de Janeiro e por ser negro é agredido por dois homens que o acusavam de roubar um relógio que ele comprou em uma loja


Na noite de ontem (6), Matheus Fernandes, 18 anos, foi agredido por dois homens dentro do Ilha Plaza Shopping, na Ilha do Governador, Rio de Janeiro. Matheus, que é entregador, foi acusado de roubar um relógio que ele comprou para presentear o pai.


Matheus foi agredido pelos dois homens, que ainda não foram identificados, sob a alegação de roubar o relógio. As cenas de agressão e racismo foram gravadas por outros clientes que saíram em defesa do jovem.


Um segurança do shopping chegou a presenciar a agressão, mas não interviu. A administração do Ilha Plaza Shopping, informou que o segurança não fez nada por ter sido informado pelos agressores que os mesmos eram policiais.


A loja Renner, local onde Matheus comprou o relógio no valor de R$ 300 reais, afirmou que os homens não fazem parte do seu quadro de colaboradores e que encaminhará as imagens das câmeras de segurança à polícia.


A Polícia Civil já iniciou as investigações, o depoimento de Matheus Fernandes foi tomado na tarde de hoje (7). Uma testemunha, o entregador de uma loja do shopping, Matheus Nascimento, presenciou as agressões sofridas por seu chará, e teme que sofra represálias, uma vez que um coordenador do shopping disse para ele não voltar mais ao local.


Veja abaixo o vídeo da agressão sofrida por Matheus Fernandes:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial