CBF atropela protocolos e autoriza Atlético-GO escalar jogadores que testaram positivo para Covid-19 para enfrentar o Flamengo


Está tudo liberado no Brasileiro Série A, no estilo Covidão, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) passou por cima de protocolo estabelecido pela própria entidade para jogos durante a pandemia de coronavírus e liberou o Atlético-GO escalar jogadores do elenco que testaram positivo para Covid-19 para enfrentar o Flamengo, nesta quarta-feira (12) em partida válida pela segunda rodada do campeonato.


Para a liberação absurda, a CBF afirma que segue norma do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, que o isolamento de dez dias para pessoas que testaram positivo através do exame de PCR, já seria suficiente para liberar a paciente e que tal norma já é aceita pela OMS (Organização Mundial da Saúde). A Comissão de Saúde da CBF informou ainda, que todos os clubes já estavam cientes da norma e que um jogador do Oeste (clube da Série B) positivado para Covid-19, foi liberado usando o mesmo entendimento.


Ainda de acordo com a norma publicada pelo CDC, além da diminuição no tempo de quarentena o atleta infetado fica dispensado da obrigatoriedade de ser testado para a doença em jogos futuros. Com isso, a entidade liberou os quatro jogadores positivados para a partida desta noite. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial