"Entre Amoedo e Bolsonaro, fico com Bolsonaro", afirma Ricardo Salles após expulsão do Partido NOVO

(Foto: Vinícius Loures/Câmara dos Deputados)
Ricardo Salles tomou posse como ministro do Meio Ambiente em 1º de janeiro de 2019. (Foto: Vinícius Loures/Câmara dos Deputados)


O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, acaba de ser expulso do Partido NOVO. A expulsão foi confirmada pelo ministro em seu perfil no Twitter, na manhã dessa quinta-feira (7). O motivo que resultou em sua expulsão foi o fato de ter assumido o cargo no governo, segundo Salles.

"Fui comunicado da minha EXPULSÃO por ter assumido “sem qualquer informação prévia ou pedido de autorização ao Partido NOVO, o cargo de Ministro de Estado do Meio Ambiente no governo do atual Presidente Sr. Jair Messias Bolsonaro”, escreveu em sua postagem.

Salles que ocupa o cargo de ministro do Meio Ambiente, tomou posse no primeiro dia de governo do presidente Jair Bolsonaro. A pasta que ocupa, é marcada por diversas polêmicas ambientais, bandeira renegada pelo governo Bolsonaro e que tem a assinatura de Salles. Ao concluir sua postagem sobre a expulsão do Partido NOVO, Ricardo Salles disse preferir o presidente da República ao presidente nacional do NOVO, João Amoedo. "Entre Amoedo e Bolsonaro, fico com Bolsonaro!", finalizou.

Veja abaixo a postagem de Ricardo Salles em seu Twitter:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial