27 de mar. de 2018

Burger King se pronuncia sobre denúncia de racismo

Burger King Brasil diz em nota que foi o cliente que denunciou ato de racismo é um ex-funcionário da rede e que partiu dele o pedido de ser chamado de macaco em nota fiscal. (Foto: Reprodução)
A Burger King do Brasil se pronunciou sobre reportagem publicada em nosso site sobre ato de racismo cometido por funcionários contra cliente em lanchonete da rede localizada na Vila Nova Conceição, Zona Sul de São Paulo.

De acordo com David Zambelli Júnior, funcionários da lanchonete o chamou de 'macaco', em local destinado para colocar o nome do cliente em nota fiscal. O jovem decidiu usar uma rede social para denunciar o ocorrido e logo a notícia ganhou repercussão em todo o país.

Ao blog, a Burger King Brasil reiterou que abomina qualquer tipo de discriminação e que após tomarem conhecimento do caso, o estão levando muito a sério. Na nota, a Burger King Brasil afirma que David Zambelli Júnior é um ex-funcionário da rede e que segundo o atendente que fez o pedido de David, ele próprio teria pedido para ser tratado por 'macaco' na nota fiscal.

A Burger King Brasil informou ainda que está colaborando com as investigações e que lamenta profundamente o ocorrido. Ainda de acordo com a nota, o funcionário responsável pelo atendimento foi afastado de suas funções até o final das investigações.

Confira abaixo a nota da Burger King Brasil sobre o ato de racismo em uma lanchonete da rede na Zona Sul de São Paulo

O BK Brasil reitera que abomina qualquer ato de discriminação. Tomamos conhecimento do acontecido e estamos levando o caso muito a sério.

Estamos colaborando completamente com a investigação e o que sabemos até o momento é que o consumidor em questão se trata de um ex-funcionário. Sabemos também que o atendente responsável pelo registro do pedido comunicou à gerência do restaurante que seguiu instruções diretas do consumidor para registrar o termo em questão.

Nas câmeras de segurança podemos ver os dois interagindo normalmente e o consumidor acompanhando o registro do seu pedido e digitação do nome a ser chamado.

Independentemente do resultado das investigações, o Burger King lamenta profundamente o episódio e até que sejam finalizadas as investigações, o funcionário permanece afastado e continuamos colaborando completamente com as autoridades competentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

+ LIDAS

CONTATOS

Sede: Rua Tarauca, 240 – Conjunto Santarém – Potengi – Natal – RN – Cep. 59124-550

Redação e Comercial: (84) 98177-1709 - contato@rodrigoklyngerr.com.br