11 março 2018

Trabalhadores dos Correios entram em greve a partir de amanhã

Paralisação dos Correios é por tempo indeterminado e atingirá todo o país. (Foto: Elza Fiúza/Arquivo Agência Brasil)
A partir de amanhã (12) a vida de milhões de brasileiros ficará ainda mais complicada, especialmente daqueles que dependem dos serviços de entrega de correspondência dos Correios.

A categoria entra em greve por tempo indeterminado e com isso o serviço que já não atende em sua excelência se tornará ainda mais precário. O principal motivo da paralisação é evitar mudanças no plano de saúde dos seus funcionários, que envolvem a cobrança de mensalidades do titular e de dependentes.

De acordo com a FENTECT (Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares), a direção da empresa exige que os funcionários arquem com as mensalidades do plano, assim como a retirada de dependentes.

Outro ponto levantado pela FENTECT é a de que o benefício poderá ser reajustado conforme a idade, com isso, a mensalidades do plano pode ultrapassar os R$ 900,00 reais em muitos casos.

A categoria protesta ainda, sobre a terceirização na área de tratamento, a privatização da empresa, suspensão das férias dos trabalhadores, extinção do diferencial de mercado e a redução do salário da área administrativa, além das alterações no Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS).

A contratação de novos funcionários via concurso público e o fim dos planos de demissão é outro ponto defendido pela categoria. Apesar de marcada para amanhã, a greve terá início às 22h de hoje (11), uma vez que muitos funcionários começam seu expediente durante a madrugada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

+ LIDAS

CONTATOS

Sede: Rua Tarauca, 240 – Conjunto Santarém – Potengi – Natal – RN – Cep. 59124-550

Redação e Comercial: (84) 98177-1709 - contato@rodrigoklyngerr.com.br