Cruzeiro bate o Santos na Vila Belmiro em noite de estreia do técnico Cuca

Cruzeiro precisa apenas de uma empate no jogo da volta no Mineirão no próximo dia 15. (Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)
O técnico Cuca não teve uma boa estreia na noite desta quarta-feira (1º), na primeira partida das quartas de final da Copa do Brasil, entre Santos e Cruzeiro. O clube paulista perdeu por 1 a 0, frustrando a estreia do treinador na Vila Belmiro.

A noite não foi apenas de estreia para o Santos com seu novo treinador, mas para a competição que até a sua grande final, terá o VAR (siglas em inglês para árbitro de vídeo) como instrumento de auxílio ao árbitro de campo. E na estreia, o VAR foi utilizado, quando Gabriel ao cair dentro da área reclamou de um empurrão do cruzeirense Lucas Romero, o árbitro de campo Wilton Pereira Sampaio, deu prosseguimento à partida enquanto as imagens eram analisadas pelo VAR, que não viu penalidade. Foram 27 segundos, após o comunicado e a partida seguiu seu ritmo normal.

O primeiro tempo foi equilibrado e com poucos chutes a gol e apenas uma chance clara, aos 37, em jogada de Arrascaeta chutando em cima de Vanderlei. Apesar de mostrar uma melhora técnica,  o Santos ainda demonstrou problemas de armação. A primeira etapa terminou sem gols.

Na volta para a etapa final, o Santos mudou completamente e superou o Cruzeiro, porém, aos 35 minutos, Raniel que saiu do banco fez jogada com David Braz, que bateu sem chances de defesa para o goleiro do Peixe, Vanderlei. O Santos tentou, mas a única jogada que levou medo ao goleiro do Cruzeiro acabou com uma defesa incrível.

Agora, o Cruzeiro que é o atual campeão da Copa do Brasil, precisa de apenas um empate no jogo da volta, no dia 15, no Mineirão, para se classificar para a próxima fase da competição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial