Doutor Bumbum e sua mãe são presos no Rio de Janeiro

Maria de Fátima e o filho, Denis Furtado foram presos após denúncia anônima. (Foto: PMERJ/Divulgação)
O médico Denis Cesar Barros Furtado, conhecido como Dr.Bumbum, investigado pela morte da bancária Lilian Calixto, que se submeteu a um procedimento estético nos glúteos em seu apartamento, e sua mãe, Maria de Fátima, foram presos na tarde desta quinta-feira (19). 


Segundo a Polícia Militar do Rio de Janeiro, mãe e filho foram localizados em um centro empresarial na Barra da Tijuca, após uma denúncia anônima pelo "Disk Denúncia" e foram encaminhados para a 16ª DP. Os dois eram considerados foragidos e foram indiciados por homicídio doloso.⠀


Antes da prisão, Denis Furtado, publicou uma série de cinco vídeos em sua conta no Instagram, onde é seguido por mais de 600 mil pessoas. O médico classificou a morte da bancária como uma fatalidade. "Como todo mundo sabe, aconteceu uma fatalidade. Mas uma fatalidade que acontece com qualquer médico", disse.


Denis disse ainda, ser vítima de uma injustiça. "É uma injustiça eu ser acusado de não ser médico. Eu tenho CRM ativo", diz. Por falar no CRM, Denis teve o seu cassado pelo Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal, mas foi por um outro processo que o médico respondia.


Assista abaixo os cinco vídeos em sua sequência:


Uma publicação compartilhada por Dr. Denis Furtado (@drdenisfurtado) em

Uma publicação compartilhada por Dr. Denis Furtado (@drdenisfurtado) em

Uma publicação compartilhada por Dr. Denis Furtado (@drdenisfurtado) em

Uma publicação compartilhada por Dr. Denis Furtado (@drdenisfurtado) em

Uma publicação compartilhada por Dr. Denis Furtado (@drdenisfurtado) em

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial