Desvio de dinheiro público em obras nas rodovias federais no RN é investigado pela PF

Policiais federais durante a deflagração da operação Via Trajano, desdobramento da operação Via Ápia que investiga desvios de recursos em obras federais no RN e outros seis estados. (Foto: Divulgação/Polícia Federal)
A Polícia Federal deflagrou na manhã de hoje (31) operação no RN e em mais seis estados. A operação batizada de Via Trajano, é um desdobramento da Via Ápia, deflagrada em 2010, investiga ação de corrupção nos contratos de adequação da BR-101 e as obras de manutenção das rodovias federais do estado.

Na ação de hoje, a PF buscou reunir provas de desvio de recursos públicos e lavagem de dinheiro, entre outros delitos, no Rio Grande do Norte. Os crimes ocorreram entre 2009 e 2010. Foram cumpridos 27 mandados de busca e apreensão com a participação de 120 policiais federais em Natal, Parnamirim e em mais seis estados: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Minas Gerais, Paraná e Ceará.

De acordo com a PF, entre os diversos fatos sob apuração, está o pagamento de vantagem pecuniária indevida, propina, em contratos feitos entre o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes do estado (DNIT-RN) e construtoras responsáveis pelas obras rodoviárias no estado.

Cerca de R$ 2 milhões foram desviados das obras, segundo investigações realizadas até o momento. Uma coletiva de imprensa foi convocada pela PF, para que maiores informações sobre o desdobramento da Via Ápia sejam divulgadas aos jornalistas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial