Corpo decapitado é encontrado após confronto de facções rivais na Comunidade do Mosquito em Natal



A Comunidade do Mosquito, Zona Oeste de Natal, voltou a ser palco de mais um confronto entre facções rivais, que brigam pelo controle do tráfico de drogas na localidade. O novo confronto entre facções criminosas aconteceu na madrugada desta sexta-feira (29).

Segundo informações da Polícia Militar, bandidos de uma facção rival tentaram invadir a comunidade por três vezes. Cerca de 20 homens chegaram à Comunidade do Mosquito pelo rio Potengi e pela Avenida Felizardo Moura, principal via de entrada e saída da Zona Norte da capital e de municípios da região metropolitana. Um carro que pertence a um morador da comunidade, teve o vidro quebrado e foi usado pelos criminosos para bloquear a avenida e impedir a passagem de veículos, há relatos que motoristas voltaram na contramão para fugir do bloqueio e do tiroteio na região.

Dois homens foram mortos, um durante confronto das facções com policiais que foram acionados e chegaram ao local e o outro foi encontrado na manhã de hoje decapitado. Segundo moradores, esse último foi assassinado pelos criminosos e era morador da comunidade.

Uma pistola foi encontrada com o homem morto no confronto com a PM. Ele chegou a ser socorrido ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu. Nenhum dos dois mortos foram identificados e não houve prisão de ninguém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial