Deputados do PSL são recebidos com vaias em "vistoria" não informada no Colégio Pedro II, no Rio



Em um ato que mais lembrou a inquisição, os deputados Daniel Silveira (federal) e Rodrigo Amorim, ambos do PSL e os mesmos que durante um ato de campanha do então candidato a governador Wilson Witzel, em setembro do ano passado quebraram uma placa em homenagem à vereadora assassinada Marielle Franco, causou revolta de estudantes do Colégio Pedro II.

Alegando uma vistoria no campus de São Cristóvão, na Zona Norte do Rio de Janeiro, na manhã desta sexta-feira (11), os deputados que não comunicaram a reitoria previamente da tal vistoria, começaram a fotografar tudo o que na visão ideológica deles consideravam ter uma conotação política. 

Como não tinham autorização e tampouco foram convidados ou avisaram ir ao campus, o reitor foi chamado para acompanhá-los e se sentindo intimidado decidiu chamar a Polícia Federal ao local.

Ao notar um mural com recortes de notícias e dentre elas uma que abordava a morte de um jovem negro morre no estado a cada 13 minutos, o deputado Daniel Silveira, parece não ter gostado do que leu e partiu para questionamentos ao reitor, veja abaixo a transcrição o diálogo dos dois.

Reitor: - O número de morte está imenso no Rio de Janeiro 

Deputado: - De bandido 

Reitor: - Mas tem criança de oito anos que não pode ser bandido 

Deputado: - Já fez a perícia? 

Reitor: - Pra saber se ela é bandido? 

Deputado: - Não, para saber se ela foi morta por policiais

Os alunos reagiram com vistoria forçada dos deputados, que ao forçarem a entrada na escola foram recepcionados por vaias dos estudantes, que na saída também fizeram questão de lembrar a vereadora Marielle Franco. "Ô, Marielle, quero justiça, não aceitamos deputado da milícia" dos estudantes. 

O reitor do Colégio Pedro II, vai fazer uma representação nos conselhos de ética do Congresso Nacional e da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), uma vez que os deputados fizeram imagens sem autorização no local, com a presença de crianças e autorização de seus responsáveis.

Assista ao vídeo abaixo:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial