Polícia localiza corpo em canavial em Arez que pode ser do motorista de Uber desaparecido desde o dia 5 de setembro

Giltemberg Gomes saiu para atender uma corrida no dia 5 de setembro e desde então não foi mais visto. (Foto: Arquivo da família)
Foi encontrado em meio a um canavial no município de Arez, na região metropolitana de Natal, um cadáver em avançado estado de decomposição de um homem, que pode ser o corpo do motorista de Uber, Giltemberg Gomes Soares, 32 anos, desaparecido há quase duas semanas.

Giltemberg que foi visto com vida pela última vez no dia 5 de setembro, saiu de sua casa em São Gonçalo do Amarante, também na região metropolitana de Natal, para realizar uma corrida e não foi mais visto desde então.

O carro do motorista foi encontrado três dias depois de seu desaparecimento, no dia 8, no bairro Conab, na cidade de Goianinha, município 12 quilômetros distante de Arez. O veículo estava com os pneus dianteiros furados, e alguns acessórios foram levados, como o aparelho de som e os alto-falantes.

Devido ao avançado estado de decomposição do corpo não foi possível identificar marcas visíveis de violência, mas segundo o delegado Wellington Guedes, há fortes indícios de que o corpo seja mesmo do motorista. O corpo foi levado para a sede do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), em Natal, onde passará por necrópsia e trabalho de identificação, há possibilidade da realização de exames de DNA para se chegar à identificação do corpo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial