Joaquim Barbosa desiste e PSB estuda não lançar e nem apoiar outro nome para Presidência

Joaquim Barbosa alegou decisão estritamente pessoal ao anunciar desistência de concorrer à Presidência da República. (Foto: Nelson Jr./SCO/STF)
O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa, informou nesta terça-feira (8) que não disputará à Presidência da República.

Barbosa que é filiado do PSB (Partido Socialista Brasileiro), afirmou que a decisão foi tomada após várias semanas de muita reflexão. Ainda segundo o ex-ministro, a decisão foi de caráter estritamente pessoal.

Com a desistência de Barbosa, o PSB estuda não lançar e nem apoiar candidato à Presidência, e que a legenda nos estados estariam livres para compor as alianças que julguem necessárias.

Caso a liberação aconteça, os filiados ficarão livres para apoiar o candidato que desejar, uma vez que no partido há uma divisão de apoio entre três pré-candidatos são eles: Marina Silva (Rede), Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckimin (PSDB).

Veja abaixo publicação de Joaquim Barbosa em sua página oficial no Twitter:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial